Desenvolvimento infantil pode ser afetado por doenças otorrinolaringológicas

bimba infastidita dalla sveglia

Quando não tratadas corretamente, doenças otorrinolaringológicas como a otite, apneia obstrutiva do sono, trauma vestibular, alterações oftalmológicas e má formações do ouvido interno, por exemplo, podem afetar seriamente o desenvolvimento físico e intelectual de crianças. A principal consequência se traduz em vertigens e distúrbios do equilíbrio, problemas geralmente associados a adultos ou idosos.

No caso das crianças, a vertigem costuma se apresentar por meio de sinais pouco específicos como se agarrar demais aos cuidadores. Outros sintomas mais claros incluem náuseas, vômitos, retardo nas funções motoras, perda de controle da postura, dificuldade de andar no escuro e até movimentos anormais tidos como de pessoas desajeitadas.

Segundo a Academia Brasileira de Otorrinolaringologia Pediátrica (Abope), a apneia obstrutiva afeta cerca de 3% das crianças em idade pré-escolar. Como o mal afeta o sono, pode prejudicar a ação do hormônio de crescimento e impedir que atinjam o peso e a altura de crianças consideradas saudáveis.

Para tirar qualquer dúvida a respeito desse assunto, agende uma consulta por meio do telefone 5522-3077 ou nosso formulário de contato. Estamos à sua disposição para tirar qualquer dúvida e tomar as devidas providências.

Desenvolvimento infantil, Otorrinolaringologia

Comments are closed.